> Perhappiness: Sobre o amor e a escolha que toda America faria na vida real
         
 

Sobre o amor e a escolha que toda America faria na vida real

03 fevereiro 2014


Se você nunca leu nenhum livro da trilogia A Seleção e não faz a menor ideia do que eu estou falando não tem problema. Tudo o que você precisa saber é que estamos falando sobre mais um dos tão famosos triângulos amorosos da literatura. Esse não tem nada de especial, nada que os outros já não tenham. Uma garota confusa e dois garotos apaixonados. Um deles é um príncipe - no sentido denotativo e conotativo da palavra - e o outro é um trabalhador de uma casta inferior ao da garota.

À primeira vista a escolha de America não parece tão difícil quando um apresenta a possibilidade de torná-la princesa de um dos países mais poderosos do mundo e o outro nem conseguirá garantir que ela tenha alimento em todas as refeições do dia. Talvez por isso o "Team Maxon" seja tão absurdamente mais expressivo que o "Team Aspen". Mas esse é provavelmente o único aspecto no qual Maxon apresenta alguma vantagem.

Encarem os fatos, meninas, na vida real vocês nunca ficariam com um Maxon no final. Vamos ignorar o fato realeza x plebeu no momento e lidar apenas com os sentimentos por aqui. Maxon é tudo de bom. Carinhoso, atencioso, romântico. O estereótipo que toda garota carrega na cabeça sobre como um verdadeiro príncipe deve ser. Ele já trata America como uma princesa independente de qualquer coisa. Em uma só palavra: ele é perfeito. Perfeito até demais.

Não havia explosões. Não havia fogos de artifício. Era uma chama lenta, queimando de dentro para fora.
É assim que America descreve o sentimento ao beijar Maxon. Claro que existe certa beleza no sentimento que ela descreve, mas na minha concepção sobre o amor nós nunca podemos abrir mão dos fogos de artifício. Ou do olhar que faz nossos joelhos tremerem. Da ânsia. Da explosão que nosso corpo sente. E é assim que Aspen é descrito.

Claro que Aspen não é nenhum príncipe - e graças a Deus por isso. Suas atitudes são muito mais grosseiras (de uma forma que aposto que nenhuma de vocês resistiria). Não quando um cara, que já viveu e passou por coisas que a gente nem imagina, diz ao seu modo selvagem de ser que vai lutar por você com unhas e dentes. Só na literatura pra um cara desses perder qualquer batalha. Ainda mais pra um engomadinho como o Maxon.

Talvez seja só minha queda por homens selvagens falando mais alto. Talvez eu esteja redondamente enganada e, convenhamos, a situação está difícil pro meu lado: provavelmente America se casará com Maxon e se tornará a próxima princesa de Iléa. Mas ela não sabe o que está perdendo se fizer isso, porque uma vida inteira sem fogos de artifícios não seria vida pra mim.

Me acompanhem também nas redes sociais:

18 comments:

  1. Uau! Amei seu texto concordo que para a maioria de nós Aspen é o mais acessível, digamos. Mas ainda sou Team Maxon.

    Beijos,
    http://heybooks.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Isabela =) Fico feliz por você ter concordado com meu ponto de vista pelo menos haha
      Beijos!!

      Excluir
  2. Considerando que é uma distopia, acho que alguém vai morrer. Ou a America vai virar princesa apenas se ela conseguir destruir as castas. Se for pra manter as coisas como estão, com governo no poder, ela jamais seria escolhida.

    Gostei do seu texto, entendo o que vc quer dizer. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Raquel =) Muito obrigada! Não acho que alguém vá morrer, mas com certeza ela só vai vai virar princesa se o sistema de castas mudar. Ou, melhor ainda, rola a revolução e ela nem precisa fazer a escolha kkkk
      Beijos!

      Excluir
  3. Olá, tudo bem??
    Gostei de sua análise clínica sobre a trilogia...
    Eu tenho o livro aqui em casa e não estava com vontade de ler... mas diante desse enredo de triângulo amoro (que adoro nas histórias) eu vou dar uma chance... Eu desanimei depois de algumas resenhas que li por ai sabe... não que tenha sido negativas, mas não sei simplesmente desanimei, mas dai me deparo com essa análise do contexto que reacendi a luz pela leitura desse livro. Xero!!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Diana!! Fico muito feliz por um texto meu ter despertado mais o seu interesse em ler a trilogia =) Vou adorar saber o que você achou sobre ela depois que terminar!
      Beijos!

      Excluir
  4. Ah, se eu tivesse lido essa trilogia acredito que assimilaria melhor o conteúdo do seu texto.

    Beijos,
    Blog | Youtube

    ResponderExcluir
  5. Bom eu ainda não li A seleção, mas esta na minha wishlist faz algum tempo. E se é como vc falou abrir mão dos fogos de artificio não é legal, ninguém quer ser mais ou menos feliz ou mais ou menos apaixonada, a gente que a intensidade o extremo, mas todo esse rolo acontece só porque um é principe e o outro pelo jeito é como um zé ninguém :x complicado heim !
    xoxo

    Imagine Belle

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu vi A Seleção naquela sua wishilist maravilhosa <3 Vou querer muito saber sua opinião depois que ler! Beijos!

      Excluir
  6. Olá!

    Essa série realmente não conseguiu me cativar. Nenhum dos persongens me encantou, apesar de ter achado a leitura divertida, mas não estou ansiosa para saber seu final. Porém ainda acho que escolheria Maxon.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Fran! Eu te entendo totalmente! Apesar de ter super me empolgado com a trilogia na época pelo fato dela ter super prendido minha atenção do início ao fim, hoje eu vejo que realmente não é uma série tão relevante assim. Mas agora não vou deixar de ver como acaba kkk
      Beijos!

      Excluir
  7. Oieee, eu tenho o primeiro livro da serie aqui na minha estante e o segundo chegará por esses dias, quero logo que o terceiro saia para eu comprar e ler todos em seguida, sou apaixonado nas capas desses livros :)

    ResponderExcluir
  8. Com certeza deveria escolher Aspen, o amor é a melhor sensação do mundo, e quando vem acompanhado de fogos de artifício, é sinal de que é a pessoa certa pra ficar ao nosso lado. Vamos ver se tenho tempinho pra terminar de ler a história, minha lista de livros pendentes cresce cada dia mais haha Beijos, Érika *-*

    ResponderExcluir
  9. Entendo seu ponto de vista, mas não gosto de "homens selvagens" e não fui com a cara do Aspen. Tomei antipatia dele no primeiro livro e, para ser sincera, depois da leitura de A Elite não gosto mais é de ninguém, acho que abandonei o team Maxon e passei para o team "joguem logo uma bomba nesse palácio e matem todo mundo". Não tenho paciência para triângulos, me irritei profundamente com a narrativa do segundo volume.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  10. Oii,... adorei o post.
    Na verdade eu não sou muito fã de Aspen e acho Maxon um pouco forçado, sei lá para mim ele está apenas jogando e América é muito indecisa, mas enfim estou divagando. Supondo que os dois fosse reais eu sempre preferi aquele que me trata como princesa, nunca curti os selvagens, rsrs.
    bjs
    Aline Lima
    http://alinenerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oie Vanessa, tudo bem??
    Eu já li A Seleção e a A Elite é sou TEAM MAXON, rsrsrsrrs. Confesso que prefiro o Maxon mil vezes. O Aspen,pra mim, não é um cara que eu escolheria, mas entendo seu ponto de vista. Eu torço para a America ficar com o Maxon.

    Beijos,
    Jéssica
    www.leitorasempre.com

    ResponderExcluir
  12. Oi Vanessa! Como uma boa fã da Seleção eu amei seu post! De verdade!
    Eu sou time Max - diferente de vc! ahah
    Mas eu mudei bastante! Comecei torcendo pra o Aspen, dai mudei pro príncipe - dai o príncipe me decepcionou - voltei pro Aspen - dai o Aspen não me agradou em algumas ações que teve e voltei pro Max!
    Por agora terminei A Elite com o coração com o príncipe! Mas entendo essa sua atração pelo Aspen! Também fiquei dividida por eles!
    Entãooooooo estou louca pra ler o terceiro livro! Esse junto com o Peças infernais da Cassandra Clare são as duas séries com os melhores triângulos amorosos que já li e eu não sou fã de triângulos! Mas esse são tãooooo bons! haha
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Ola! Concordo em certos pontos sim!

    Mas acredito talvez não tenha se mostrado totalmente para America por ter que manter a "linha" de príncipe e em respeito as outras selecionadas.

    Enfim, pelo final de A Elite acho que em A Escolha muita coisa tende a acontecer.
    E pra te ser sincera eu até ja imaginei um final tragico para Aspen, mas não sei como America lidaria com isso.

    Só esperando pra ver agora! Falta pouco

    Beijos
    Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vanessa. Paraibana, leonina, amante dos animais e de homens com cabelos compridos. Isso é basicamente tudo que você precisa saber sobre mim, o resto você descobre nas páginas do blog. ♥

 
Perhappiness © Todos os direitos reservados :: Ilustração por Brenda S. Pauletti :: voltar para o topo